O mundo enfrenta há mais de um ano a pandemia de COVID-19 e a comunidade científica luta para entender os efeitos da doença nos pacientes e tratá-los de forma adequada. Entretanto, o vírus ainda é pouco conhecido e suas consequências não têm respostas claras, como a chamada COVID-19 persistente.

Nestes casos, o paciente apresenta efeitos causados pela doença meses após ter contraído o Sars-CoV-2. Segundo especialistas, as consequências da COVID-19 persistente podem afetar pessoas que apresentaram quadros leves da doença.

Pesquisadores de todo o mundo estão começando a desenvolver estudos mais aprofundados sobre os efeitos a longo prazo da covid-19 e as evidências apontam para um sintoma recorrente: fadiga excessiva.

 Diagnóstico

Além da fadiga excessiva, pessoas podem apresentar confusão mental, falta de ar, tosse, dores de cabeça, musculares e nas articulações, problemas auditivos e de visão, perda de olfato e paladar e danos cardíacos, pulmonares, renais e intestinais.

 Tratamento

Ainda não se sabe ao certo o porquê dos sintomas persistirem mesmo após as pessoas terem sido curadas. Porém, o quadro pode trazer prejuízos a longo prazo e afetar a qualidade de vida dos infectados.

Os sintomas devem ser avaliados por um médico, que deve indicar a melhor opção terapêutica para que o paciente possa se recuperar o mais breve possível.

 Caso do famoso

A atriz Gwyneth Paltrow, vencedora do Oscar de melhor atriz em 1999 pelo filme “Shakespeare Apaixonado”, contraiu o novo coronavírus e apresentou sintomas de COVID-10 persistente. Em seu site a artista relatou que teve fadiga e confusão mental meses após o diagnóstico da doença.

Gwyneth fez acompanhamento com um médico de confiança e foi constatada inflamações em seu organismo. Para superar os efeitos ela intensificou a rotina de exercícios e fez uma readequação alimentar cortando açúcar e álcool.

A Clínica Araújo & Fazzito oferece tratamento neurológico e conta com corpo clínico gabaritado e reconhecido na área. Conheça nossos serviços e nos siga nas redes sociais: Facebook —-Instagram