Consideradas um dos maiores progressos da medicina, as vacinas foram criadas diante da necessidade de reduzir o número de óbitos causados por doenças contagiosas. Graças à imunização milhões de pessoas são protegidas contra várias doenças.

 

Como a vacina funciona?

 

Quando uma pessoa é infectada pela primeira vez por uma determinada espécie de vírus, o sistema imunológico cria anticorpos para combatê-lo. Mas essa reação não é suficientemente rápida para neutralizar a manifestação da doença, o que acaba deixando o indivíduo doente.

A vacina após introduzida no corpo estimula o organismo receptor a produzir anticorpos específicos. Então, quando contaminado, as células adormecidas do corpo reconhecem o vírus invasor e multiplicam-se para eliminá-lo.

 

Por que a vacinação é tão importante?

 

A vacina é responsável por sensibilizar o sistema imunológico do organismo, fazendo com que ele crie barreiras e anticorpos especiais contra várias doenças, que quando ocorrem podem deixar sequelas graves e até levar à morte.

A importância da vacinação não está só na proteção individual, ela é encarregada de proteger toda uma população evitando com que a doença em questão se propague.

 

A importância das vacinas para a prevenção de doenças e sequelas neurológicas

 

Milhares de doenças são evitadas mantendo a carteira de vacinação em dia, desde a infância temos uma série de vacinas em nosso calendário. Como já citamos neste texto, elas evitam as doenças bem como as sequelas que podem deixar, principalmente neurológicas. Vamos falar sobre algumas delas:

Meningite

A meningite é um processo inflamatório das meninges (membranas que envolvem o cérebro e a medula espinhal), que pode ser causado por diversos agentes infecciosos e também por processos não infecciosos, como medicamentos e neoplasias.

Causa diversos sintomas como, náuseas, fotofobia, confusão mental, convulsões, entre outros. Sua contaminação se dá pelo por meio das vias respiratórias, por gotículas e secreções do nariz e da garganta. Sua vacina é dividida em várias doses a começar pelos 2 meses de vida.

Poliomielite 

A poliomielite é uma doença contagiosa aguda, causada pelo poliovírus. Infecta de crianças a adultos por meio de contato direto com secreções de pessoas doentes.

Em seu estado mais grave pode causar infecção de medula e do cérebro, causando paralisia muscular. É necessário tomar 5 doses da vacina contra pólio ainda na infância.

COVID-19

A COVID-19, muito conhecida por nós, causa uma série de sintomas que podem variar de leves a graves. Já foi comprovado que ela pode afetar o cérebro. Sua vacina chegou no Brasil há pouco tempo, e é dividida em duas doses e sua vacinação é muito importante.

As sequelas neurológicas que podem ser evitadas através da vacinação são inúmeras: paralisia, perda de olfato, encefalite entre outras. Por esta razão manter a sua carteira de vacinação atualizada é muito importante não só para evitar que esse tipo de coisa aconteça, mas também para evitar risco de morte.

 

Veja textos do nosso blog sobre o coronavírus e seus efeitos neurológicos:

Os efeitos do Covid-19 no cérebro

Estudo identifica por onde o coronavírus chega ao cérebro

Coronavírus associado a distúrbios mentais

 

A Clínica Araújo & Fazzito oferece diagnóstico, tratamento e conta com corpo clínico gabaritado e reconhecido na área!

Conheça nossos serviços e acompanhe nossas publicações no Instagram e Facebook!